Análise do blog – Lula veio dar palestra em Porto Velho na quarta, 14-09-2011. Um dia saberemos quem pagou e não tenham dúvida, terão sido empresas e entidades cujos membros mamaram nas tetas do seu governo.

Isso todo ex-presidente faz, mas eu ouviria palestra de Nélson Mandela ou do rei do Butão, no máximo. O resto é lero-lero vulgar, lugar comum.  Mas sei que sou chato, 45 anos de vício em leitura e 29 atendendo líderes políticos torna o ouvinte um chato. E Lula, assim como Chaves, Fidel, Morales, pra não tomar seu tempo citando todos os comunistas, ditadores e populistas da Argentina à Romênia, eu jamais ouviria. Na Zenit, nos livros, na net e nos anais do Senado tem papo muito melhor.

Pra mim Lula não passa de um Tiririca, se tanto, porque considero que só considera que ele foi grande governante quem é petista ou não analisou a conjuntura que lhe deu a fama nem a torradeira de dinheiro que foi seu perdulário e corrupto governo. Sei que também nunca falta nestes ambientes a tietagem daqueles de qualquer idade que é fascinada por sair numa foto ou ver ao vivo qualquer figurinha que aparece sempre na Tv.

E estas palestras são, na verdade, muito mais um jeitinho de empresário ou entidade que levou vantagem com o palestrante enquanto governante devolver (não por caixa dois), mas de forma quente, um pouquinho da “bondade” recebida através de seu poder e nossos impostos.

Isso se prova na própria matéria que relata Clinton recebendo 400 mil dólares nas primeiras, e nas últimas apenas 142 mil. Certamente eles palestram (cobram) primeiro dos que levaram mais vantagens, os quais, naturalmente lhes retribuem também com mais.

Ces´t La vie.

 

A MATÉRIA –

 

Lula ganhará R$ 200 mil por palestra a partir de março

Fora do poder o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva passou a conviver com uma situação financeira diferente daquela a que se acostumou nos últimos oito anos.

 

Acabaram as mordomias e contas pagas pelo governo. Para engordar o orçamento, Lula começou a fazer palestras em março.

No Brasil, diversas publicações estimam que o cachê de Lula por palestra supere R$ 200 mil. Não foi divulgado o valor pago pelos empresários para sua estada em Porto Velho, onde palestrou na abertura da Feiron.

Desde que começou a palestrar, estima-se que Lula já tenha faturado mais de 5 milhões de reais pagos por ouvintes endinheirados.

VIDA DE PALESTRANTE

Outros ex-presidentes mundo afora também recebem para palestrar. O norte americano Clinton recebe US$ 140 mil (R$ 252 mil) por palestra, mas chegou a embolsar US$ 400 mil nos primeiros trabalhos depois de deixar a Casa Branca. Blair tem cachê de aproximadamente U$ 130 mil (R$ 234 mil) por evento.

Pela declaração de renda da campanha de 2006, Lula está em situação financeira confortável.

Seu patrimônio era de R$ 839.033,52, sendo R$ 474.586,17 em aplicações bancárias. Atualizado pela inflação, o valor chegaria hoje a R$ 1.036.921,51.

Se aplicasse R$ 10 mil mensais nos últimos quatro anos pela taxa Selic mais baixa, teria acrescentado R$ 629 mil ao patrimônio.

No governo, Lula tinha todas as despesas pagas pela Presidência e recebia uma remuneração de R$ 11.420,21. Não abria a carteira para pagar viagens, plano de saúde, aluguel e supermercado.

Agora vive uma nova realidade: uma renda mais enxuta, cerca de R$ 9.000, segundo interlocutores do ex-presidente, provenientes de duas aposentadorias: uma pela perda do dedo (invalidez) e outra de anistiado político. No Planalto, Lula já recebia os dois benefícios: com o salário de presidente, sua renda passava de R$ 20 mil.

Além disso, Lula tinha centenas de servidores no Planalto e nos palácios residenciais (Alvorada e Granja do Torto) e todas as despesas pagas pela Casa Civil.

Nos dois mandatos, os gastos pessoais e institucionais somaram cerca de R$ 56 milhões, pagos com cartões corporativos e sob a rubrica de “gastos sigilosos”.

Lula perdeu o salário (até 1988, os ex-presidentes tinham direito a uma aposentadoria), mas os cofres públicos ainda bancam oito funcionários a seu serviço.

São quatro seguranças, dois motoristas e dois assessores, com salário de R$ 2.100 a R$ 9.000, além de dois carros oficiais e combustível à vontade.

Essas vantagens são vitalícias e valem para todos os ex-presidentes. As viúvas recebem uma pensão especial, equivalente ao salário dos ministros do STF que é, hoje, de R$ 26,7 mil.

Longe do Planalto, porém, Lula poderá ter revisada sua pensão da anistia, hoje em torno de R$ 3.500. Ele deu entrada no processo de revisão, previsto em lei desde 2002. Mas ficou parado nos últimos anos, para evitar conflitos de interesse.

Com uma renda deste porte, fica difícil acreditar que o presidente Lula ainda queira voltar a ser presidente e ganhar “míseros” 20 mil reais por mês.

 

FONTE: jornale – Dom, 23 de Janeiro de 2011 16:01